Porque devo regar as plantas com água filtrada

Nos dias de hoje, cada um de nós está cada vez mais consciente da água que consumimos e da importância da sua qualidade. Mas o que acontece à água que usamos para regar as nossas plantas, é filtrada?

Entender que a importância dessa água estar livre de produtos químicos é fácil. Se pensarmos, por exemplo, que a fonte de água ideal para as plantas é precisamente a chuva, principalmente quando vinda de uma tempestade.

O que acontece com a água da torneira?

A água da torneira, geralmente, contém elementos como tártaro, cal ou cloro, especialmente notável nas grandes cidades, que por se concentrar em torno das raízes, impede que estas cresçam adequadamente. Assim, gere um efeito tóxico no solo, o que dificulta o seu cultivo para crescer e absorver água adequadamente, diferente de regar as plantas com água filtrada.

Sem contar com este problema, os amantes de plantas sabem que existem algumas espécies particularmente sensíveis a esses compostos. Espécies como Calathea ou Dracaena, muito comuns em moradias e apartamentos, reagem especialmente mal com componentes como o cloro.

Irrigue as plantas com água filtrada

Se julga que aqueles são os únicos benefícios de regar as suas plantas com água filtrada, saiba que ao utilizar água filtrada para irrigar as plantas, estará a respeitar o pH do solo. Este é um componente crucial para diversos fatores biológicos e, assim igualmente, para a qualidade das plantas.

Cuide das plantas como cuida do resto da família e comece por alimentá-las com a água de qualidade que merecem. Rapidamente verá a diferença!

Partilhar

Artigos Relacionados

17 dicas para poupar água em casa

A água é um recurso precioso que devemos preservar e utilizar de forma responsável. No entanto, muitas vezes, sem percebermos, acabamos por desperdiçá-la no nosso dia-a-dia.