Alguns fatores que influenciam a qualidade da água da torneira

Beber água de qualidade é fundamental para a saúde humana, porque a água desempenha papéis vitais em várias funções corporais e é essencial para a manutenção da vida.

É por isto que que a pergunta sobre a qualidade da água da torneira é feita por muitos de nós. Mas a resposta não é fácil, pois estão envolvidas muitas variáveis.

Durante este artigo vamos falar sobre os fatores que podem influenciar a qualidade da água da sua casa. Mas podemos já garantir que uma grande parte se deve à região onde se encontra, mas também podemos garantir que independentemente do local onde reside ou está frequentemente, existem soluções para obter uma água de grande qualidade na sua torneira.

Saiba mais informações sobre a água: https://fonteval.com/agua/

Saiba mais sobre soluções de filtragem e purificação de água para casa: https://fonteval.com/casa/

Morar perto de uma exploração pecuária

As explorações pecuárias são locais onde os animais tendem a viver em condições de sobrelotação, concentrando grandes quantidades de urina e excrementos que, em geral – e em princípio – devem ser adequadamente tratados.


Os enormes tanques de excrementos podem ser facilmente rachados ou perfurados, o que pode causar vazamento de amónio, nitratos, nitritos, fungicidas, antibióticos, vacinas, hormónios de crescimento, bactérias, fungos, vírus. É comuns nestes casos até genes resistentes a antibióticos serem encontrados.

Viver perto de campos de exploração agrícola

Tal como no caso das explorações pecuárias, os campos agrícolas, se não forem biológicos, podem ser uma fonte de problemas no que diz respeito à qualidade da água. Neste caso, o uso de fertilizantes, pesticidas ou herbicidas poderão ser fatores de contaminação da água e dos lençóis freáticos com impacto direto no consumo da água.

Viver perto de fábricas

Outro fator que temos que ter em conta são as fábricas. A indústria utiliza grandes quantidades de água nos seus processos, principalmente na lavagem dos seus produtos, armazéns ou maquinaria. Neste caso, tanto os tipos de substâncias e toxinas quantos os produtos fabricados podem passar para a água potável. Os mais comuns – e também perigosos – encontrados na água são ácidos, metais pesados, micro-plásticos, graxas e óleos para motores, medicamentos e até radioatividade.

Manutenção de tubagens externas e internas

Acredite ou não, muitas casas e cidades têm canos antigos e muitos deles ainda são de chumbo. Consegue imaginar que contaminante eles podem adicionar à água? Certo.


Dependendo do material, do tempo e da manutenção dada a estes tubos, podem promover a proliferação de bactérias, o aparecimento de óxidos ou a filtração de produtos químicos e outras substâncias do exterior que podem ser muito nocivas para a saúde humana.

Localização e estado da estação de tratamento de águas

As estações de tratamento de água são fundamentais para eliminar a maioria das substâncias que acabamos de mencionar. Mas, para eliminá-los, é necessário adicionar novos produtos químicos: cloro, bromo e iodo.

Mas será que as estações de tratamento de água conseguem realmente eliminar todos os elementos que acabamos de listar? Todos, todos? Lamentamos, mas não.

O problema do calcário

O calcário pode ser um problema para a saúde humana quando está presente em excesso na água potável. O calcário, composto principalmente de carbonato de cálcio, pode aumentar a dureza da água, o que pode causar diversos problemas de saúde. Quando a água contém altos níveis de calcário, pode causar o acúmulo de depósitos nos canos e nos eletrodomésticos, reduzindo a eficácia dos mesmos. Além disso, o consumo de água com altos níveis de calcário pode contribuir para a formação de pedras nos rins em algumas pessoas predispostas, bem como problemas digestivos em casos extremos. A ingestão prolongada de água com excesso de calcário também pode levar a deficiências de minerais, como o magnésio. Também se verifica que a água com calcário se torna mais abrasiva na lavagem da pele e do cabelo das pessoas, tornando-os mais secos e desequilibrados o seu PH.

Assim, é importante monitorar a qualidade da água potável e, se necessário, recorrer a métodos de tratamento adequados, como a descalcificação, para reduzir os níveis de calcário e proteger a saúde humana.

Sobre descalcificação da água: https://fonteval.com/descalcificador-de-agua-olimpia-plus/

Para saber como pode tornar a água da sua casa numa água pura, livre de impurezas ou químicos consulte o nosso site ou contacte-nos!

Partilhar

Artigos Relacionados

17 dicas para poupar água em casa

A água é um recurso precioso que devemos preservar e utilizar de forma responsável. No entanto, muitas vezes, sem percebermos, acabamos por desperdiçá-la no nosso dia-a-dia.