Água Descontaminada com a Osmose Inversa

A osmose inversa é um dos mais eficazes processos de purificação de água. É também considerado um procedimento ecológico, com baixo consumo de água e energia elétrica.

A qualidade da água obtida através da osmose inversa resulta da sua eficácia na eliminação da maioria dos elementos iónicos e não-iónicos, coloides, micropartículas e microrganismos.

Esta tecnologia produz água ultrapura para consumo humano, sendo também muito adequada no tratamento de águas residuais e aplicação em diversas indústrias (farmacêutica, alimentar, produção elétrica, entre outras).

Processo da Osmose Natural

Este processo físico-químico envolve o movimento seletivo de substâncias através de uma membrana semipermeável. Esta membrana apresenta poros que são permeáveis à água, mas que retêm e impedem a passagem de outros contaminantes.

Já a osmose inversa é o processo reverso, somente tornado possível através da aplicação de uma força externa, isto é, uma pressão que seja superior à pressão osmótica.

Osmose Inversa produz água pura e de qualidade para o humano

A osmose inversa é considerada uma das técnicas mais eficazes, sendo utilizada há mais de meio século, no tratamento de águas. Começou a ser utilizada com o objetivo de retirar o sal da água do mar

O processo está dependente de diversos fatores:

  • Tipo de membrana
  • Controlo do fluxo de água
  • Qualidade da água de origem
  • Temperatura
  • Pressão

Vantagens

  • Nas zonas em que há suspeita de água contaminada, este sistema torna a água para consumo totalmente segura
  • Remoção de pesticidas e herbicidas da água, sobretudo em zonas com explorações agrícolas ou pecuárias nas imediações
  • Remoção de iões e metais nocivos para o organismo, como o arsénio, mercúrio, nitratos, entre muitos outros

Desvantagens

Alguns minerais essenciais são também removidos aquando o processo de osmose inversa.

 Como funciona no tratamento da água?

Esta técnica envolve a presença de uma pressão externa que permite reverter o processo natural de movimentação de água. O sistema de purificação de água é constituído, desta forma, por uma bomba de pressão e outros componentes. A osmose inversa e uma técnica de separação extremamente eficaz, removendo 95-99% de contaminantes, incluindo químicos orgânicos e pesticidas.

Alguns exemplos de iões e metais nocivos removidos pelo processo de osmose inversa:

  • Arsénico
  • Sulfato
  • Bário
  • Cobre
  • Mercúrio
  • Chumbo
  • Níquel
  • Nitratos
  • Cloretos
  • Crómio

A osmose inversa é também eficaz na remoção de:

  • Partículas microscópicas e ferrugem;
  • Bactérias;
  • Químicos, como por exemplo, o flúor e o cloro.

Lembre-se sempre que a qualidade da água também é muito importante, para saber mais contacte-nos e visite o nosso site. Estamos localizados em Porto de Mós.

Partilhar

Artigos Relacionados

17 dicas para poupar água em casa

A água é um recurso precioso que devemos preservar e utilizar de forma responsável. No entanto, muitas vezes, sem percebermos, acabamos por desperdiçá-la no nosso dia-a-dia.